Planejamento rumo ao Sul

Listas, organização, orçamento… Viajar é bom, mas os preparativos dão um pouco de trabalho. Esse post vai ser pra contar para vocês nosso planejamento da viagem para o Sul do Brasil.

Esse ano, nossa viagem vai ser para os três estados do Sul do Brasil. Nossa escolha não foi aleatória. Eu tenho um congresso em Porto Alegre no final de julho, então, juntamos o útil ao agradável. Mas nem tudo são flores, e com pouco tempo e pouco dinheiro, teríamos que planejar tudo bem direitinho para dar certo!

Meramente ilustrativa... Não vamos de navio!

Meramente ilustrativa… Não vamos de navio!

Primeira questão pra resolver foi o tempo. Eu só podia a partir do dia 10/07, e o Fabiano só podia até o dia 26/07. Foi quando comecei a ver passagens, pesquisar preços, ver quais dias, quais cidades… Fazer tudo caber na agenda.

A primeira escala seria em Curitiba. A volta seria direto por Porto Alegre. Fui comprar as passagens com a milhagem de mais de um ano de cartão de crédito. Mas para isso, foi preciso pesquisar os melhores horários, os mais baratos, os vôos menos procurados, nos horários mais em conta. Felizmente hoje temos internet, mas para conseguir tudo, foi muita pesquisa e malabarismo.

Com as passagens compradas, começou a segunda fase: pensar nas cidades que queríamos ir e fazer caber nos 14 dias, sendo que 6 dias tinham que ser em Porto Alegre ou perto. O começo era Curitiba, o final Porto Alegre, e o meio foi se formando pelas cidades que a gente já passou ou já ouviu falar que e que estão pelo nosso caminho.

Cidades, valores, dias... Nosso primeiro planejamento

Cidades, valores, dias… Nosso primeiro planejamento.

Decidir as cidades e onde iríamos dormir (tem dias que passaremos por mais de uma cidade), foi a fase mais trabalhosa: hospedagem!

Nossa intenção era economizar ao máximo, então a ideia foi tentar algo novo para nós, o couchsurfing. Já falamos dele no post sobre hospedagem, mas para quem não sabe, é se hospedar de graça na casa das pessoas. Bom, não é feito de qualquer jeito, tem um site muito bem organizado para isso. O único problema é que, como você não paga, tem mesmo que contar com a boa vontade e a disponibilidade das pessoas. E se manter animado mesmo que receba vários nãos.

Para Porto Alegre, que vamos ficar mais tempo, decidimos tentar o airbnb e alugar um apartamento. Sai mais barato que hotel e teríamos mais privacidade, até para largar mais à vontade as nossas coisas.  Para os lugares que não conseguimos ninguém que abrisse a casa para nós, sobrou procurar em sites de comparação de preços de hotéis.

Listas e mais listas. Mapas, pesquisa e muito trabalho para o Planejamento de Viagem.

Listas e mais listas. Mapas, pesquisa e muito trabalho para o Planejamento de Viagem.

Próxima fase foi arrumar as mochilas. Pegar roupas de frio emprestadas com as amigas que moraram na Europa (que eu não tenho quase nenhuma e sou friorenta). Pegar uma mochila emprestada porque a do Fabiano é pequena e roupa de frio ocupa muito espaço. E fazer lista para não esquecer de nada.

Mochila do Fabiano quase pronta. Mais casaco e a inseparável câmera.

Mochila do Fabiano quase pronta. Mais casaco e a inseparável câmera.

Por último é imprimir passagens, comprovantes e tudo o mais. E seguir a lista de coisas para fazer antes da viagem. E ai é partir Rumo ao Sul.


Dicas de viagem:

Couchsurfing, Airbnb , hotéis e hostel, você vai achar informações aqui: 10 maneiras de se hospedar

E qualquer dúvida ou precisando de ajuda, só entrar em contato conosco!

Pro Sol aquecer bem a gente lá no Sul.

Pro Sol aquecer bem a gente lá no Sul.

Anúncios