Viajar ou votar? O que fazer no final de semana?

Viajar ou votar? Tomar decisões é sempre difícil, ainda mais quando querem arrumar pra você uma obrigação bem no final de semana. Leia nosso post sobre as eleições e pense o que é melhor fazer neste domingo. 

pulo-salto-asa-delta-extrema-a-bussola-quebrada

Eleições no final de semana. Parece até maldade. Estragar nosso final de semana tendo a obrigação de ir a um lugar que você não quer, para fazer um serviço que você não queria. 

Para alguns, é aquela oportunidade de ver os velhos amigos do primeiro grau, ou do ensino fundamental, agora que mudara os nomes. Ou do ensino médio.

Para outros, é hora de comprar passagem para bem longe, pegar estrada e ver mamãe, papai, se ainda for vivo. Rever os lugares da infância. Matar saudades e lembrar as aventuras do tempo de criança. O tempo em que o mundo era maior, mais colorido, e as distâncias eram infinitas. 

multidao pessoas

Tem aquele que sai de sua cidade mas mantém o título, para ter uma desculpa para voltar. E tem quem vá embora para sempre. E transfere o título para perto de casa.

Seja qual for sua decisão, domingo você tem a obrigação de ir votar. Ir a uma escola, digitar números, sair, almoçar na casa da mãe ou da sogra. Mas tem a tarefa de votar. E bem no final de semana, para estragar sua viagem.

– Que droga! Fim de semana só acontece uma vez por semana e ainda vem um engraçadinho e estraga? Bons tempos em que a eleição era dia 15 de novembro, mesmo que caísse numa segunda-feira. Era feriado e pronto! 

vista-viagem-onibus-a-bussola-quebrada 

Uma ideia é largar este compromisso e viajar. Sim, viajar! Passar o final de semana fora, curtindo. E a vida continua, mesmo sem o seu voto. Depois é só justificar. Só ir no cartório, pegar um papel, assinar, dizer que estava fora de seu domicílio eleitoral na ocasião e pagar uma taxa que deve ser quase a passagem do ônibus. Pronto. Acabou a dor de cabeça. Azar do candidato. Festa da democracia, uma conversa.

Agora, se pensar bem, é mais complicado. Se você votar mal, aquele sujeito que é ruim de serviço vai atrasar a sua vida. Ou vai entrar aquela candidata que você sabe que não entende do assunto. Ou vai ser algum espertalhão. 

De um jeito ou de outro, viajar é bom, mas viajar por fuga, para escapar de obrigações, pode ser um problema. Todos nós gostamos de conhecer lugares novos. Mas é aqui que a gente vive. Nossa cidade é importante. Nossos amigos moram aqui. Pessoas que amamos moram aqui.

janela-viagem-onibus-a-bussola-quebrada

Vai bem pensar com calma e ver que o voto é uma vontade de melhorar a vida de todo mundo na cidade onde a gente mora. É pensar que o lugar onde a gente vive e trabalha merece cuidado, atenção. E pode ser uma boa coisa parar, pensar um pouquinho e ver quem se importa com a nossa cidade do jeito que a gente se importa. Ver quem merece nosso voto. E ver quem é a pessoa, ou as pessoas, que a gente vai pegar no pé e cobrar trabalho, ação, atitudes, pelos próximos quatro anos.

Eu vou ter que viajar para votar. E vou votar. E depois vou encher o saco do prefeito, do vice e dos vereadores. Precisa. Alguém tem que cobrar. Afinal, viajar é bom, mas a gente precisa ter casa para voltar.

Então, a parte boa é que você tem liberdade para fazer o que quiser. Pode viajar, pode dormir o domingo todo, pode sair pra passear se fizer sol. Ou pode perder uns minutinhos, votar, e pegar pesado com políticos e autoridades, para fazer o que precisa ser feito por sua cidade e seu município.

 paisagem

Pense com carinho na sua cidade, afinal, você mora nela.

Decida com cuidado o que vai fazer e caso decida votar, pense bem. Veja quem é o candidato e desconfie de todos. 

Se for viajar, boa viagem! E conte para nós como foi. 

E se for para viajar para votar, puxa!!! Conte pra gente como foi sua experiência e boa viagem!!

Felicidades a todos!! E votem bem!

paisagem-PETAR

Anúncios