Por Acaso no Rival

A preço popular, o projeto Por Acaso no Rival reúne artistas consagrados para apresentações e entrevistas no Teatro Rival. José Maurício Machline, criador da mais importante premiação da música nacional, o Prêmio da Música Brasileira, é o anfitrião da festa.

colagem-site_factoriacomunicacao

Por acaso no Rival é uma adaptação do programa Por Acaso, que foi exibido na televisão brasileira entre 1991 e 2004, comandado por José Maurício Machline. Durante o tempo que ficou no ar foram feitas mais de 600 entrevistas com artistas e personalidades da cultura brasileira de todos os gêneros e gerações.

A parceria com Leandra Leal e Alê Youssef – à frente do Teatro Rival desde abril, quando o espaço reinaugurou após ampla reforma – veio ao encontro de um desejo antigo de Zé Maurício, como é carinhosamente chamado no meio, de reeditar o programa: “Há algum tempo vinha pensando em retomar este projeto e essa colaboração traz a oportunidade não apenas de realizá-lo, como também oferece uma possibilidade ainda mais ampla de interagir com os artistas em um formato ao vivo, que trará mais calor e dinamismo às entrevistas”, explica. Além da audiência presente, o público também poderá assistir aos melhores momentos do programa através de vídeos que serão disponibilizados no canal do Prêmio da Música Brasileira, no Youtube.

joao-bosco_divulgacao

Rebatizado de Por Acaso no Rival, o programa é abrangente e, assim como o Prêmio,  contempla todos os gêneros da música brasileira, recebendo a cada semana uma dupla ou trio que tenha algum tipo de afinidade artística. “A ideia é sair do lugar comum, promover encontros interessantes entre músicos com a mesma linguagem, entremeando a conversa com números musicais que fujam do repertório mais conhecido do artista”, detalha Machline.

bailedoalmeidinha-9

Amanhã (30/11), o projeto recebe os cantores  João Bosco e Hamilton de Holanda para um bate-papo informal intercalado com números musicais, na terceira noite do Por Acaso no Rival. Ney Matogrosso e Filipe Catto (07/12) e Maria Gadú e Baby do Brasil (14/12) serão as próximas atrações do evento, que nesta nova versão já contou com as participações de Zeca Pagodinho com Mariene de CastroGal Costa com Alice Caymmi e Lenine e Roberta Sá.

Programação:

Dia 30/11 – João Bosco e Hamilton de Holanda
Dia 07/12 – Ney Matogrosso e Filipe Catto
Dia 14/12 – Maria Gadú e Baby do Brasil

Horário: 20h
Onde: Teatro Rival
Endereço: Rua Álvaro Alvim, 33 – Cinelândia – Centro
Quanto: R$ 10,00
Mais informações: 21 2240-4469


Via:
Factoria Comunicação
(21) 2249-1598
(21) 2259-0408
http://www.factoriacomunicacao.com

Anúncios