A imensidão e as paisagens do Cânion Fortaleza

Post de amigo! Vamos viajar com o Renato Osaki para o Cânion Fortaleza, em Cambará do Sul/RS. Precipícios, cachoeiras e vertigem, com paisagens alucinantes. Viaje com a gente e com o Renato para um lugar que você nem imaginava que existia no Brasil.

vista-canion-fortaleza-a-bussola-quebrada

Trilha para a Cachoeira do Tigre Preto, em Cânion Fortaleza – Cambará do Sul/RS. Consegue ver o rio passando lá embaixo?

Situado na divisa entre os estados de Santa Catarina e Rio Grande do Sul, temos mais um grande presente da natureza, uma região de cânions que proporcionam uma vista espetacular e nos dão um sentimento de gratidão pelas belezas naturais que temos no Brasil.

O Cânion Fortaleza faz parte do Parque Estadual da Serra Geral, na cidade gaúcha de Cambará do Sul. Sua extensão é de 17 mil hectares e está a 1240 metros acima do nível do mar. O parque fica aberto diariamente para visitação, sem a necessidade de guia, já que as trilhas têm nível baixo de dificuldade. Não há estruturas no parque como banheiros e lugares para refeição, há apenas estacionamento para os visitantes e a portaria para controle de acesso.

trilha-canion-fortaleza-a-bussola-quebrada

Trilha do Mirante. Caminho para o morro da Fortaleza.

A principal trilha é a trilha do mirante, onde é possível visualizar quase toda a extensão do cânion, inclusive podemos ver parte do litoral gaúcho. Existe também a trilha da Cachoeira do Tigre Preto, uma trilha que nos faz passar no meio de um tranquilo riacho com uma vista fantástica das quedas de água.

É possível conhecer todo o parque em menos de 4 horas, as trilhas são leves e não exigem grande preparo físico. É um passeio para refletir e relaxar em frente à uma vista que não imaginamos ter no Brasil até conhecermos. Espero que gostem! Bora conhecer?

Esta é a trilha do mirante, a mais longa do parque. Ela começa em uma pequena estrada de terra até chegar no morro Fortaleza, onde temos a melhor vista.

canion-fortaleza-a-bussola-quebrada

Mirante para os paredões do Cânion Fortaleza.

Antes da chegada no topo do morro Fortaleza temos um pequeno mirante que nos dá um primeiro impacto de tirar o fôlego. Vemos deste ponto uma linda queda de água e já temos uma boa sensação da altura dos paredões do cânion.

vista-verde-canion-fortaleza-a-bussola-quebrada

Quando você conseguir respirar de novo, olhe bem para os dois lados do Cânion Fortaleza.

Do topo, temos essa bela visão do vale entre o cânion e toda sua extensão. Um dos fatores diferentes que vemos é a vegetação que cobre grande parte das rochas, nos dando uma vista diferente comparando com outros cânions formados em regiões desertas.

mirante-canion-fortaleza-a-bussola-quebrada

Este é o ponto mais alto do cânion. Quem não tem problemas com altura consegue chegar até a beira do abismo e olhar o enorme paredão de rocha.

 

rio-canion-fortaleza-a-bussola-quebrada

Aqui estamos na trilha da Cachoeira do Tigre Preto, uma boa hora para matar a sede com a água límpida deste pequeno riacho, que no final, transforma-se em uma linda cachoeira.

 

Ao final da trilha da Cachoeira do Tigre Preto, passamos no meio do riacho e chegamos nesse grande abismo. Uma vista incrível e um momento único, pois o barulho das águas nos faz esquecer de tudo. Impossível não querer ficar alguns minutos apenas refletindo e curtindo a vista.

precipicio-abismo-canion-fortaleza-a-bussola-quebrada

Essa é a primeira foto deste post. Lá em ciam, você vê o céu e o tamanho de precipício. Aqui, você vê a cachoeira caindo reto por uma centena de metros.


Dicas de Viagem:

Pesquise para chegar. Este site é da prefeitura de Cambará do Sul – http://www.cambaraonline.com.br/index.php/infos/pagina/o_que_fazer/parques_e_canions/canion_fortaleza

Precisa de um mapa? Nós também – goo.gl/js3o3r

.

Anúncios