Arte com Lego – The art of the brick

Esculturas com blocos de Lego. Brincadeira que vira arte. Fomos visitar The Art of The Brick, uma das exposições mais faladas de 2016, que passou por São Paulo e esse mês se despede do Rio de Janeiro.

the-art-of-the-brick

Era um dia de calor desumano do Rio de Janeiro. Ia ser o dia da nossa maratona de museus. Começamos pelo Museu de Arte do Rio, e saímos de lá com a intenção de ir no Museu do Amanhã antes do horário dos nossos ingressos para The Art of the Brick, ou, A arte de criar (na tradução mais literal seria A arte das peças/tijolos). 

Mas era dia de entrada grátis no começo das férias escolares no Museu do Amanhã. Imagina a fila de duas horas no Sol!

museu-historico-nacional-fachada-a-bussola-quebrada

O belo prédio do Museu Histórico Nacional. Sua história se confunde com a do Brasil.

O dia não foi perdido, passeamos pela Orla Conde da Praça Mauá até o Museu Histórico Nacional, com uma paradinha refrescante na Rua do Ouvidor.

Como o ingresso foi comprado com antecedência, ficamos na fila menos de 10 minutos. E apesar das férias, não estava lotado lá dentro.

The Art of The Brick

redman-theartofthebrick-a-bussolaquebrada

O HOmem Vermelho. Tire uma foto com ele, ou conte um segredo para essa figura que demorou semanas para ser construída e acabou virando confidente de Nathan Sawaya.

Nathan Sawaya é um artista plástico norte-americano que cria e recria esculturas usando peças de Lego. Ele não é apenas um artista que usa peças de Lego, ele é um profissional certificado pela própria Lego. De certa forma, um aproveita da popularidade e do talento do outro para se promover.

exposicao-thearteofthebrick-a-bussola-quebrada

A arte pode ser divertida, e feita com materiais simples. É só ter criatividade.

Mas engana-se quem pensa que é uma exposição para crianças. Os temas retratados nas peças são, em sua maioria, do universo adulto. O que atraí as crianças, e muitos adultos, é o fato de serem obras feitas com um material que é originalmente feito para crianças brincarem.

dinossauro-artofthebrick-a-bussola-quebrada

Mais de 80 mil peças formam esse T-Rex bebê em tamanho real. Ele foi feito para incentivar as pessoas a visitarem museus.

A exposição é separada por temáticas. Figuras mais lúdicas, formas humanas, retratos, reprodução de obras famosas da antiguidade e atuais, uma pequena amostra do ateliê do Nathan, e por fim, o público pode jogar o jogo do Lego no videogame ou montar uma escultura com as milhares de peças disponíveis.

artofthebrick-atelienathan-exposicao-a-bussola-quebrada

O Atelier de Nathan em Los Angeles, tem mais de 4 milhões peças de Lego. Todas separadas por cor e forma. Essa é apenas uma pequena amostra!

Crianças gostam, adultos gostam. Não tem como não gostar. Seja porque são de Lego, seja porque são muito bem-feitas, seja por ser uma exposição de artes plásticas que tem obras com interpretações que vão muito além do Lego.

artofthebrick-lego-a-bussola-quebrada

No final, coloque a inspiração para fora. Esse é o convite.

Uma coisa que valeu muito a pena, foi baixar o aplicativo da exposição e ir escutando as explicações. Deu muito mais sentindo e trouxe informações adicionais muito interessantes.

A exposição é enriquecida com vídeos nas TVs espalhadas por todas as salas. Nestes vídeos, o próprio Nathan Sawaya explica, com legendas e até tradução, o que o levou a fazer arte usando tijolinhos de Lego.

Bônus

manguinhos-relevado-exposicao-a-bussola-quebrada

Quem gosta de fotografia vai adorar. E gente, olha esse teto!

Até o final de janeiro o Museu Histórico Nacional apresenta a exposição Manguinhos Revelado: Um lugar de ciência, sobre as origens da Fiocruz que se confundem com o desenvolvimento da cidade do Rio de Janeiro e saúde pública do Brasil.

manguinhos-exposicao-a-bussola-quebrada

A Fiocruz faz parte da história da saúde do Brasil e das mudanças que o Rio de Janeiro passou no século passado.

São fotos inéditas com valor histórico e artístico imensos. Melhor bônus que a gente poderia ter!

E uma boa introdução à nossa vista à Fiocruz, que vamos contar em outro post.

fiocruz-exposicao-a-bussola-quebrada

O belo e único castelo da Fio Cruz. A cavalariça ao lado e uma vista bem diferente da atual.


Dicas de Viagem:

The Art of the Brick
Corra porque a exposição fica em cartaz só até o dia 22 de janeiro.
Site oficial da Exposição: http://expo-theartofthebrick.com.br/
Preço: R$ 20,00 (inteira). O ingresso pode ser comprado pelo site. Esse valor inclui a visita em todo o museu.

Manguinhos Revelado: um lugar de ciência
Vai até o dia 29 de janeiro.
Preço: R$ 10,00 (inteira). Domingo é grátis.

Museu Histórico Nacional
Endereço: Praça Marechal Âncora, s/n – Centro.
Horário: terça a sexta-feira, das 10h às 17h30; aos sábados, domingos e feriados das 14h às 18h.

Anúncios