Vem pro Frevo! Saiba tudo sobre esse ritmo que não deixa ninguém parado.

Esse ritmo criado para animar o carnaval de Pernambuco, que é patrimônio mundial da UNESCO, faz aniversário hoje. E você, folião, vai saber tudo sobre o Frevo agora!

dobradica_tesoura_wikidanca

O frevo de pernambuco faz aniversário e avisa que já está chegando o carnaval! Foto: Wikidança.

De Pernambuco para o mundo, o frevo tem música e dança únicas. Um dos símbolos do carnaval do Brasil, arrasta multidões pelas ruas com seu ritmo frenético. Patrimônio da história do país, o frevo é festa e cultura. Aperta o play e vem conhecer.

O frevo foi criado ainda no final do século XIX. Mas nessa época era chamado de marcha carnavalesca pernambucana. Apenas em 1907 é que a palavra frevo começou a ser utilizada para designar esse ritmo tão único.

Sua origem é bem parecida com a do samba, e vem do período logo após a abolição da escravidão, quando negros libertos de muitas fazendas iam para os centros urbanos – Recife e Olinda, as maiores cidades de Pernambuco – e começavam a formar uma nova classe trabalhadora.

A palavra frevo vem de frever, uma corruptela da palavra ferver. No Vocabulário Pernambucano escrito pelo jornalista (entre outras coisas) Francisco Augusto Pereira Costa em 1936, Frevo significa: Efervescência, agitação, confusão, rebuliço; apertão nas reuniões de grande massa popular no seu vai-e-vem em direções opostas como pelo Carnaval. A música, por seu ritmo, tem tudo a ver com o “fervo”.

jornalpovao-com-br

Saxofone, trompete, percussão…. Assim é uma orquestra de frevo. Foto: Jornal Povão.

O frevo é uma mistura de vários ritmos como a macha, o maxixe e a polca. Há três modalidades de frevos, o frevo de rua, que é o mais antigo, o frevo canção e o frevo de bloco. As bandas de frevo de rua e frevo canção são formadas por instrumentos de bocal (trompete, trombone, tuba), de madeira (clarinete, saxofone, flauta) e de percussão (surdo, pandeiro, caixa). O frevo canção introduziu letra à música e foi o que deu visibilidade nacional para o ritmo. 

Já no frevo de bloco, os instrumentos são de madeira e de cordas (violão, cavaquinho) e a música é cantada por um coro. 

bloco-da-saudade-6-rodrigo-pires-cultura

Frevo de Bloco. Foto: Cultura Pernambuco/Rodrigo Pires.

Frevo também é o nome da dança que acompanha o ritmo, cheia de saltos, agachamentos e passinhos. Seus passos têm nomes de ferramentas de trabalhadores manuais (alicate, martelo, serrote), uma referência à sua origem operária. E ela tem origem na adaptação de passos de capoeira, que precisavam ser disfarçados por causa da perseguição da polícia. O frevo tem mais de 120 passos catalogados.

A sombrinha era usada para proteger do sol, e para defesa, em caso de briga. Ela foi diminuindo de tamanho e atualmente é um acessório indispensável.

Galo da Madrugada é o maior bloco de carnaval de rua do mundo. Fundado em 1978, saiu pela primeira vez dia 04 de fevereiro daquele ano. Desde então, ele tradicionalmente sai todo sábado de carnaval e até hoje mantém as tradições do frevo.

galodamadrugada4_diariodoturismo-com-br

E essa só é a parte do bloco que está perto do Galo. Foto: Diário do Turismo.

O frevo tem duas datas comemorativas. Em Recife se comemora no dia 9 de fevereiro, dia em que a palavra frevo apareceu pela primeira vez no jornal, ou seja, dia em que o frevo ganhou reconhecimento oficial. Mas no calendário brasileiro, o dia nacional do frevo é em 14 de setembro, data escolhida em homenagem ao nascimento de Osvaldo da Silva Almeida, jornalista a quem é atribuída a criação da palavra frevo.

Em 2007 o frevo foi reconhecido como Patrimônio Cultural do Brasil. E em 2012 o frevo de Pernambuco ganhou o título de patrimônio cultural imaterial da humanidade pela UNESCO.

O frevo é tão importante para a cultura pernambucana que tem um centro cultural só para ele. O Paço do Frevo, em Recife é um centro de documentação, preservação e disseminação do frevo.

pe_recife_passista_frevo_acervo_prefeitura_recife

Pra dançar frevo tem que ter muita disposição! Mas ele não é feita só de saltos. Foto: Portal Iphan – acervo da prefeitura de Recife.


Dicas de Viagem:

Paço do Frevo: http://www.pacodofrevo.org.br/

Galo da Madrugada: http://www.galodamadrugada.org.br/

 

Se quiser saber mais sobre as modalidades de frevo, indico esse vídeo: www.youtube.com/watch?v=muo6fW2fnwQ

Links sobre o frevo:

http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/culture/world-heritage/intangible-cultural-heritage-list-brazil/frevo/

http://jconline.ne10.uol.com.br/canal/cultura/musica/noticia/2016/09/14/neste-14-de-setembro-comemore-o-dia-nacional-do-frevo-252879.php

http://www.brasil.gov.br/cultura/2014/07/frevo-e-expressao-artistica-do-carnaval-de-recife-pe

Anúncios