Elephant Parade chega às ruas de São Paulo

Prepare um calçado confortável para andar e pegue a máquina fotográfica. Em agosto, as ruas paulistanas serão invadidas por uma manada de 85 esculturas de bebês elefantes em tamanho real. Saiba tudo sobre a Elephantparade aqui com a gente.

De 1o a 31 de agosto, as ruas de São Paulo serão invadidas pela manada da Elephant Parade. A edição paulista da mais relevante exposição a céu aberto do mundo reúne 85 esculturas de bebês elefantes em tamanho real personalizadas com trabalhos de artistas locais. Uma mobilização artística com um nobre objetivo:  tornar o mundo mais feliz e ajudar a preservar os elefantes, que estão ameaçados de extinção.

A banhista.

A banhista.

As esculturas ficarão expostas pela cidade e em pontos turísticos como: Avenida Paulista, Avenida Brigadeiro Faria Lima, Beco do Batman na Vila Madalena e muitos outros. Ao longo do mês de agosto, a expectativa é que mais de 10 milhões de pessoas sejam impactadas pelas obras de arte da Elephant Parade São Paulo.

Back to the Earth E

Back to the Earth.

“Estamos muito felizes em poder levar arte às ruas da maior cidade do Brasil e impactar a rotina do paulistano por uma causa tão nobre. O que vemos nas ruas, hoje, é o resultado de mais de um ano de trabalho que só foi possível graças ao apoio institucional da Prefeitura de São Paulo, aos artistas que inscreveram projetos tão maravilhosos e, claro, graças aos nossos patrocinadores”, dizem Carolina Barreto e Giovane Pasa, diretores da Elephant Parade no Brasil.

Jungle.

Jungle.

“Hoje a Elephant Parade é um movimento global, uma plataforma para unir as pessoas e usar a arte para conscientizar sobre o futuro dos elefantes. Recentemente, nós recebemos o apoio de grandes marcas mundiais e celebridades internacionais. Nós temos viajado o mundo todo fazendo as pessoas sorrirem! Para celebrar nosso 10º aniversário, São Paulo é o lugar perfeito!”, diz Mike Spitz, fundador e CEO da Elephant Parade Internacional.

Manacuca Legal.

Manacuca Legal.

Ao fim da exposição, o hotel Tivoli Mofarrej – São Paulo receberá o leilão beneficente para arrecadar e reverter as esculturas em verba para projetos de filantropia e preservação de elefantes.

Sobre a Elephant Parade

O Viajante Imaginário.

O Viajante Imaginário.

Tudo começou com a história de Mosha, uma corajosa bebê elefante que perdeu parte de sua perna quando pisou em uma mina terrestre na Tailândia. Inspirados por essa história, Marc e Mike Spits, pai e filho, fundaram a Elephant Parade em 2006. A primeira exibição foi feita em Rotterdam, na Holanda, em 2007. “Friends of the Elephant Hospital”, o lar de Mosha na Tailândia, foi a primeira organização a receber as contribuições geradas pelo evento.

Ponte para o passado.

Ponte para o passado.

Além de Mosha, o primeiro elefante do mundo a receber uma prótese, a Elephant Parade atualmente gera recursos para o cuidado de centenas de outros elefantes.

Perda do habitat natural, comércio de marfim e conflitos entre humanos e elefantes são os principais problemas que ameaçam essa espécie.

Que seja doce.

Que seja doce.

No 10º aniversário do projeto, essa exposição consolida-se como a mais importante do mundo. Democratizando o acesso à arte, a Elephant Parade cria sorrisos, espalha alegria, deixa a cidade mais colorida e gera fundos para a preservação dos elefantes e entidades locais.

Saiba os endereços dos elefantinhos no site – http://elephantparade.com.br/

Steampunk.

Steampunk.

Fala se estes elefantes não são uma fofura!

 

 

Yin Yang.

Yin Yang.

 

Anúncios