Agenda Cultural 24-11-2017

Sexta-feira com nossa Agenda Cultural tem teatro, arte, cultura, festival de doces em São Paulo, e atrações em cidades como Cosmópolis e blues em Osasco, e também tem moda e Quilombos em Belo Horizonte e muita arte no Rio de Janeiro Vem ver em nossa Agenda Cultural!

,

São Paulo

Evento açucarado acontece no Club Homs, nos dias 25 e 26 de novembro

Uma delícia de festival ou um festival de delícias? Que tal os dois? O que importa mesmo é que o Festival de Bolos e Doces está chegando, a entrada é  gratuita e com apenas R$2,50 dá para apreciar um doce bem gostoso. E o melhor: todas as formiguinhas, inclusive as veganas, intolerantes a glúten ou lactose, ou até com restrição de açúcar vão sair satisfeitas, já que haverá opções para todas no evento que acontecerá durante um final de semana inteirinho – o último de novembro – das 10h às 20h. Além disso, na Praça de Alimentação montada especialmente para a ocasião também tem salgados, lanches e diversas bebidas. Para chegar ao Club Homs, o que não falta é alternativa: pode ser metrô (estação Brigadeiro está a ), ônibus (tem vários pontos pertinho), bike (ciclofaixa no canteiro central da Paulista) ou carro (diversos estacionamentos nos arredores).

.

.

Pronto para ficar com água na boca? Então vamos começar pela estrela do festival, os bolos, que podem ser encontrados em pedaços (de R$7,00 a R$15,00), potes (R$5,50 a R$14,00), inteiros no acetato (R$35,00/500g), mini (R$15,00), cupcake (R$8,00), topcake (R$5,90), cuca (R$12,00) e até de rolo, tradicional do nordeste (R$12,00). São mais de 40 sabores!!! Tem de chocolate, baunilha, morango, banana, maçã, goiaba, abacaxi, pêssego, salada de frutas, coco, damasco, nozes,  brigadeiro, Prestígio, Sensação, Red Velvet, Ferrero Rocher, Diamante Negro, Kit Kat, Kinder Bueno, Sonho de Valsa,  M&M, churros, limão, leite em pó, Floresta Negra, Bem Casado, Dois Amores, doce de leite (com ameixa, chocolate ou coco), cenoura com chocolate, pão de mel, mármore, jasmim com limão siciliano, Grenadine, mousse (tequila, chocolate, maracujá), trufado de maracujá, bicho de pé, brigadeiro de mel, chocolate com cream cheese, champanhe com creme de frutas vermelhas, paçoca, e de suspiro com frutas vermelhas (Pavlova).

.

.

Quando:  25 e 26 de novembro
Horário: das 10h às 20h
Onde: Club Homs
Endereço: Avenida Paulista, 735 – a cinco minutos do Metrô Brigadeiro
Quanto: Entrada grátis. Pague o que consumir.
Mais Informaçõeshttps://www.facebook.com/events/369308500166182/

Festival de improvisação musical realiza quarta edição no centro de SP.

Durante os dias 23, 24 e 25 de novembro, o Improfest ocupa o Red Bull Station com shows e palestras que exaltam a música de improviso.

Durante a última semana de novembro, o Improfest realizará sua quarta edição no Red Bull Station, no centro de São Paulo. Com o objetivo de difundir a produção ligada à criação livre e instantânea – individual ou coletiva -, o evento terá apresentações de músicos e VJs nacionais e internacionais como o japonês Otomo Yoshihide, um dos principais compositores e improvisadores da atualidade.

Desde 2007 na ativa, o Improfest é o primeiro festival de música improvisada do Brasil. Ainda com o nome de I Encontro de Música Improvisada, foi realizado pela primeira vez na Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), no interior de São Paulo, com seminários, concertos e exibição de filmes. Um ano depois, sua segunda edição ocorreu durante a Virada Cultural de 2008, já como Improfest. Com o formato de maratona de música improvisada, esse segundo encontro teve participações internacionais do calibre de Hans Koch, Rob Mazurek e Berhard Gal. No mesmo ano, o terceiro Improfest aconteceu no ambiente virtual do Centro Cultural Bradesco, dentro do simulador Second Life. Comandado pelo músico Paulo Hartmann, teve participação dos artistas convidados Juli Manzi, Thomas Rohrer, Célio Barros e Marco Scarrassati.

.

.

Depois de um hiato, o festival volta em 2017 com sua quarta edição dividia em três dias de programação gratuita e aberta ao público. Mesclando um encontro inédito entre o trio de músicos brasileiros Antônio Panda Gianfratti, Paulo Hartmann e Marco Scarassatti e o compositor Otomo Yoshihide — além de uma palestra com o músico japonês, o evento também apresenta a jam session aberta “Improfest AV”, na qual VJs e músicos organizados em três blocos de cerca de 45 minutos cada mostram livremente as suas habilidades com instrumentos e máquinas..

Programação completa:

Quinta-feira, 23 de novembro
20h às 22h – Apresentação do trio de instrumentistas brasileiros Antônio Panda Gianfratti, Paulo Hartmann e Marco Scarassatti, seguida de concerto com Otomo Yoshihide. Ao final, o trio junta-se ao compositor para uma apresentação única.

Sexta-feira, 24 de novembro
20h às 22h – Bate-papo com Otomo Yoshihide sobre a cena musical da improvisação.

Sábado, 25 de novembro
15h às 19h – Improfest AV: Jam session aberta, na qual músicos e VJs previamente selecionados pela curadoria do festival terão espaço para improvisação de som e imagem.

Quando:  de 23 a 25 de novembro
Horário: 23/11 (das 20h às 22h), 24/11 (das 20h às 22h), 25/11 (das 15h às 19h)
Onde: Auditório – Improfest ocupa o Red Bull Station
Endereço Praça da Bandeira, 137, Centro
Quanto: Grátis – Capacidade para 100 pessoas

.

Companhia Moderno de Dança, de Belém do Pará, apresenta o espetáculo “UM” na Caixa Cultural São Paulo.

Além das três apresentações nos dias 24, 25 e 26 de novembro, os artistas da cia., que atuam também como grupo de pesquisa, realizarão uma oficina, uma palestra e o lançamento de livro durante a curta temporada paulistana.
.
.
.

UM é o título do espetáculo que a Companhia Moderno de Dança encena nos dias 24, 25 e 26 de novembro na Caixa Cultural São Paulo. O grupo, fundado em 2002, é originário de Belém do Pará e tem a “dança imanente” como proposição teórica e prática em dança.

Pautada no compartilhamento de subjetividades para a criação cênica, a Companhia, que também se configura como grupo de pesquisa, valoriza a construção coreográfica pelas trocas estabelecidas entre o individual (unidade) e o coletivo (múltiplo). A programação é totalmente gratuita e os ingressos devem ser retirados na recepção da Caixa Cultural a partir das 9h nos dias do evento.

.

.

A obra baseia-se na ideologia Ubuntu, cuja tradução literal significa: “eu sou o que sou pelo que nós somos”. A palavra, originária do vocabulário dos povos Bantu, da África do Sul, em diálogo com o fazer/pensar da dança imanente, alicerça o conceito do espetáculo, que utiliza práticas de matriz africana e afro-brasileira como recursos técnico-corporais para a pesquisa de movimentos.

O processo de criação cênica emprega elementos da capoeira, da cultura de escolas de samba, das danças afro-baianas e do candomblé, entendidos como matrizes mobilizadoras para a concepção do espetáculo.

UM foi contemplado com o Prêmio Funarte de Dança Klauss Vianna 2013 e já teve duas temporadas em Belém, além de ter circulado pelo interior do estado do Pará e se apresentado em Macapá.

.

.

Para a diretora artística Ana Flavia Mendes, “iniciativas como esta da Caixa são grandes oportunidades para difundir a arte produzida no país, de norte a sul. Para nós é muito caro poder dar visibilidade ao que fazemos em outra localidade, longe de casa, sobretudo pela expectativa de troca com o público de outra cidade”.

Além do espetáculo, três atividades paralelas são contempladas pelo projeto, sendo elas: a realização de uma oficina de compartilhamento dos preceitos criativos da dança imanente; uma palestra reflexiva acerca das relações teórico-metodológicas estabelecidas a partir do espetáculo UM e o lançamento de livros que tratam dos processos coreográficos da Companhia Moderno de Dança.

As inscrições para oficina e palestra têm vagas limitadas e podem ser feitas pelo e-mail ciamoderno@gmail.com

.

.

SERVIÇO:
Companhia Moderno de Dança – Espetáculo “UM”
Local: CAIXA Cultural São Paulo (Praça da Sé, 111 – Centro)
Data: 24, 25 e 26 de novembro de 2017 (de sexta-feira a domingo)
Horário: 19h15
Informações: (11) 3321-4400
Classificação indicativa: Livre
Capacidade: 80 lugares
Duração: 50 minutos
Entrada franca (ingressos distribuídos a partir das 9h do dia da apresentação)
Acesso para pessoas com deficiência
Patrocínio: Caixa Econômica Federal

Oficina
Tema: Processo de criação em dança imanente
Local: CAIXA Cultural São Paulo (Praça da Sé, 111 – Centro)
Data: 26/11 (domingo)
Horário: 15h
Classificação indicativa: 16 anos
Público-alvo: Artistas da cena (dança, teatro, performance)
Capacidade: 30 participantes
Duração: 120 minutos
Informações: (11) 3321-4400
Inscrições: de 13 a 22 de novembro – inscrições gratuitas pelo e-mail ciamoderno@gmail.com

.

.

Palestra
Tema: “A coreofotografia do espetáculo UM”
Local: CAIXA Cultural São Paulo (Praça da Sé, 111 – Centro)
Data: 26/11 (domingo)
Horário: 17h
Classificação indicativa: 16 anos
Público-alvo: Artistas da cena (dança, teatro, performance)
Capacidade: 30 participantes
Duração: 60 minutos
Informações: (11) 3321-4400
Inscrições: 13 a 22/11 – inscrições gratuitas pelo e-mail ciamoderno@gmail.com

Lançamento de livros da coleção “Processos Criativos em Companhia”
Local: CAIXA Cultural São Paulo (Praça da Sé, 111 – Centro)
Datas: 24 a 26/11 (sexta, sábado e domingo)
Horário: 18h
Classificação indicativa: Livre
Público-alvo: Artistas da cena (dança, teatro, performance)
Capacidade: 100 pessoas
Informações: (11) 3321-4400
Inscrições: Não requer inscrições

.

Centro Marian Weiss recebe exposição de encaixes protéticos customizados.

Clínica que trabalha com reabilitação de pacientes amputados abre as portas para a arte de rua e incentiva pacientes a soltarem a criatividade.

.

.

Na próxima sexta-feira (24/11), artistas estarão no Centro Marian Weiss, da Ottobock, mostrando suas artes nos encaixes protéticos e também nas paredes do espaço. Inspirados nas histórias vitoriosas de pessoas com deficiência física, Fernando Brum, Ladislau Souza Júnior, MUT, Os GDV, Rafael Frenesi e Thaís Rodrigues trabalharam o tema “A vida inspira”, por meio do graffiti, em seis encaixes protéticos que ficarão expostos permanentemente no local. A clínica também recebe, dos mesmos artistas, a personalização dos muros externos.

O Centro da Ottobock atua junto aos pacientes auxiliando em todo o processo de adaptação e construção de sua nova trajetória, além de incentivar a superação de obstáculos e a busca pela qualidade de vida. “Trouxemos essa vivência artística para dentro da clínica com o intuito de unir a coletividade da arte urbana à individualidade de vida dos nossos pacientes e incentivá-los a buscar o bem estar”, explica Ian Guedes, diretor do Centro Marian Weiss.

.

.

A personalização dos encaixes é uma ideia que pode ser explorada por todos os pacientes. Neste caso, as peças e as tintas foram doadas pela Ottobock, multinacional alemã fabricante de próteses, órteses e cadeiras de rodas. O evento é aberto ao público e contará com a presença dos artistas convidados, pacientes e toda a equipe técnica da clínica. As obras ficarão expostas na recepção da própria clínica.

Quando:  24 de novembro
Horário: das 18 às 22 horas
Onde: Centro Marian Weiss
Endereço: Rua Mourato Coelho, 1.417
Quanto: não-divulgado
Mais Informaçõeshttps://www.facebook.com/centromarianweiss

.

Trocaí lança #greensunday para comemorar 2 anos de atividades.

No mesmo final de semana da aclamada #blackfriday, movimento de trocas lança a #greensunday, para incentivar o consumo consciente em evento aberto na Avenida Sumaré.

.

.

Com o #GreenSunday, o Trocaí comemora dois anos de atividades com sua tradicional feira de trocas neste domindo, 26, junto ao Programa Ruas Abertas. Organizado pela ONG Minha Sampa, o evento conta ainda com atrações musicais e artísticas durante o dia todo na Avenida Sumaré, em São Paulo, com o objetivo de conectar moradores, instituições e artistas da região, além de transformar a Avenida Sumaré em mais uma referência de espaço público para lazer e cultura na cidade de São Paulo.

O Trocaí vai comemorar, no evento, seus 2 anos de atividades e vai realizar sua tradicional feira de trocas, além de oficinas e palestras que ajudam a levar o tema do consumo consciente para o dia a dia das pessoas.  Desde 2015, o projeto já somou mais de 6 mil trocas em 8 feiras realizadas ao longo de sua trajetória.

FEIRA DE TROCAS

Para participar, basta levar até 7 itens que tenha em casa e não te representam mais e que podem ter um novo significado na vida de outra pessoa. A única regra para que a troca seja feita é que o item esteja em bom estado, novo ou seminovo. Para cada item aprovado, o participante recebe um vale-troca, que dá direito a escolher qualquer item exposto na feira.

PALESTRAS E OFICINAS

Com o objetivo de engajar e disseminar conceitos da economia compartilhada, o evento do Programa Ruas também contará com palestras e bate-papos durante todo o dia, além de oficinas e estações que abordarão temas que convidam adultos e crianças a repensarem seus hábitos de consumo. O projeto tem o objetivo de mostrar uma nova forma de consumir e, por isso, oferecerá, além das trocas, serviços e oficinas que mostram como praticar o consumo consciente no dia a dia.

O evento Trocai no #SumaréAberta é gratuito e acontece no dia 26 de novembro, das 11h às 16h, na Avenida Sumaré, dentro da praça Márcia Aliberti Mammania.

.

.

SOBRE O TROCAÍ

Criado em 2015, o Trocaí é um projeto de economia colaborativa que propõe uma reflexão sobre os hábitos de consumo da sociedade. Dentre as atividades realizadas pelo projeto estão: as feiras de troca de roupas, acessórios e objetos; palestras e cursos sobre economia colaborativa e consumo consciente; oficinas de moda sustentável e oficinas de educação ambiental para crianças.

SOBRE O PROGRAMA RUAS ABERTAS

Desde 2015, o programa municipal Ruas Abertas incentiva a ocupação dos espaços públicos com vias, de diferentes regiões da cidade, abertas para ciclistas e pedestres aos domingos e feriados. Nelas, são permitidas manifestações artísticas, culturais e esportivas, mediante pactuação com a subprefeitura local..

Quando:  26 de novembro
Horário: das 11h às 16h
Onde: ONG Minha Sampa
Endereço: Avenida Sumará, dentro da praça Márcia Aliberti Mammania
Quanto: É pra trocar.
Mais Informaçõeshttps://www.plantaecresce.com.br/

.

Osasco – Grande São Paulo

Blues Pela Vida Traz Apresentação Especial Em Novembro.

Projeto tem como objetivo apoiar,através da música, ONG’s, Instituições Filantrópicas e Projetos Sociais.

Dia 25 de novembro será especial para os moradores de Osasco. Os organizadores do projeto, Blues Pela Vida, farão um show beneficente a partir das 14:00 horas. O Projeto Blues Pela Vida tem como principal objetivo realizar um trabalho sério, comprometido e voluntário, ajudando pessoas que precisam através da música e da cultura. “Temos como a filosofia que pequenas atitudes fazem diferença na vida de todos. Amamos a música e resolvemos unir solidariedade e cultura”, afirma Claudio Banha Blues, idealizador do projeto.

.

.

A apresentação acontecerá na Escola de Artes de Osasco e contará com a colaboração de todos os participantes com dois quilos de alimentos não perecíveis, (sem ser açúcar e sal). A arrecadação será revertida para a associação Amamos – Casa de Acolhimento para Crianças e Adolescentes organização. “Acreditamos sempre, que pequenas atitudes fazem grandes diferença na vida de todos”, finaliza Claudio.

Quando:  25 de novembro, sábado.
Horário: 14h
Onde: Escola de Artes de Osasco
Endereço: R. Ten. Avelar Píres de Azevedo, 360 – Centro, Osasco – SP
Quanto: Dois quilos de alimentos não perecíveis, (sem ser açucar e sal)
Mais Informações: (11) 3682-5955 ou (11) 9.6463.2480 e https://www.facebook.com/bluespelavida/

.

Cosmópolis – São Paulo

Projeto de democratização do teatro chega a Cosmópolis

Projeto de democratização e difusão da cultura, o Vitrine Cultural e Gastronômica parte para mais uma edição. Nos dias 23, 24 e 25 de novembro, os moradores da cidade paulista de Cosmópolis poderão acompanhar de perto e gratuitamente espetáculos teatrais e oficinas de gastronomia.

O projeto tem patrocínio da Stoller do Brasil e as ações ocorrem durante todo o dia.

.

.

Duas companhias foram selecionadas para entreter o público. O grupo Mamulengo Fuzuê, de Brasília, vai representar a peça “Benedito, Abençoado e Bendizido”, que aborda através do teatro popular de bonecos a vida de Benedito, um trabalhador que com sua simplicidade e sabedoria aponta formas mais saudáveis de alimentação e de vida, valorizando o contato com a natureza e formas de consumo mais consciente. Já o Teatro do Grande Urso Navegante vai encenar o espetáculo “A Pipa e a Flor”. Inspirada na obra do escritor e educador Ruben Alves, conta a história de uma pipa que, ao encontrar uma flor, faz reflexões sobre a liberdade, a felicidade e o amor. Além disso, na versão apresentada agora, o texto aborda também os benefícios de uma alimentação saudável e balanceada. Para cada apresentação a arena possibilita plateia de até 250 pessoas sentadas.

.

.

Para as atividades gastronômicas, o profissional selecionado é o chef Cristiano Ittner. Com a divertida oficina kids durante o dia e workshop para adultos durante a noite, o gastrônomo pretende instruir todos os públicos em busca de educação alimentar e com interesse nos truques culinários. Cristiano Ittner é formado em gastronomia pela Universidade de São Francisco (Campinas), proprietário do Buffet Sabores da Vida, além de ministrar oficinas e workshops gastronômicos.

O projeto é aprovado pela Lei Rouanet de Incentivo à Cultura, tem patrocínio da Stoller do Brasil, e produção da Magma Cultura.

.

.

Programação do Fim de Semana:

24/11
8h30 – Apresentação teatral
10h – Apresentação teatral
14h – Apresentação teatral
15h30 – Oficina Kids de Gastronomia
19h – Workshop Gastronômico

25/11
8h30 – Apresentação teatral
10h – Oficina Kids de Gastronomia
14h – Apresentação teatral
15h30 – Oficina Kids de Gastronomia

.

Rio de Janeiro

Circulador 1a edição – SERVIÇO: House of Learning

O circulador nunca está parado. Ele é um evento que vai espalhar arte por onde passa. Cada edição acontece em um lugar diferente, com artistas diferentes, técnicas diferentes. A única coisa que nunca muda é que o circulador nunca está parado.

.

.

A primeira edição do Circulador vai contar com quatro novos artistas com estilos bem diferentes. 

Dentre pinturas, gravuras, fotografia e ilustração, Bernardo Cople, Bruna Pastorini, Diogo Brozoski e Felipe Mendes foram escolhidos pelo Circulador para fazer seu trabalho circular em primeira mão no Rio de Janeiro.

O espaço escolhido pelos artistas foi o House of Learning, na Fonte da Saudade. Uma casa que mais parece uma galeria de arte. O lugar perfeito para a primeira de muitas edições do evento.  

A exposição começa às 13h. E, a partir das 18h, os DJs Felipe Guga e Melvin Ribeiro assumem a festa e transformam a galeria em uma pista de dança.

.

.

A entrada é gratuita até às 18h. Depois disso, será cobrado 20 reais de entrada colaborativa, com sorteio de uma obra de cada artista.

Quando:  sábado, 25 de novembro
Horário: 13h
Onde: House of Learning
EndereçoRua Fonte da Saudade, 115- Lagoa- Rio de Janeiro
Quanto: Gratuito até 18h e depois, R$ 20,00.

.

Belo Horizonte – Minas Gerais

Um Olhar Sobre os Arturos  – no MUMO – Museu da Moda de Belo Horizonte

Uma atração em Belo Horizonte que está bem ligada ao trabalho de A Bússola Quebrada com Quilombos:

.

.

Quando:  de 22/11/2017 a 14/01/2018
Horário: de terça a sexta das 09h às 21h
Onde: Mumo – Museu da Moda de Belo Horizonte
Endereço: Rua da Bahia, 1149, Centro de BH.
Quanto: Não divulgado.
Mais Informações: (31) 3277-4384 ou https://www.facebook.com/MUMOBH/

.

.

.

Anúncios