Inhotim faz promoção para democratizar acesso a arte e cultura

Museu e Jardim Botânico de Inhotim terá promoção durante todo o mês de março. A compra de um ingresso valerá por dois. O Museu tem programação especial durante todo o mês.

Para incentivar o acesso à arte e à cultura, o Instituto Inhotim oferecerá uma promoção especial na compra dos ingressos: quem adquirir uma entrada (R$ 44 inteira, R$ 22 meia) terá direito a duas. A oferta valerá para todo o mês de março, e os ingressos podem ser comprados no site Ingresso Rápido, na Belvitur – agência oficial de turismo e eventos do Inhotim – ou na própria bilheteria do Museu.

Quem optar pela compra online deverá incluir no carrinho apenas metade dos ingressos que deseja adquirir. Na bilheteria do Inhotim, ao apresentar o voucher da compra de um ingresso, o visitante receberá duas entradas válidas para o dia.

.

.

Localizado em Brumadinho, a 60 km de Belo Horizonte, o Inhotim recebe em média 350 mil visitantes ao ano. No primeiro semestre de 2018, o Instituto espera alcançar a marca de 3 milhões de visitantes desde sua abertura ao público, em 2006. De acordo com Pesquisa Vox Populi, 56,3% dos visitantes são de Minas Gerais29,6%, de outros estados; e 12,6%, de outros países.

Segundo o diretor executivo do Inhotim, Antonio Grassi, a promoção é uma forma de contribuir para a democratização do acesso ao Instituto e permitir que mais pessoas de diferentes condições e origens possam conhecer os acervos de arte contemporânea e botânico do Museu.

.

.

O Inhotim é um museu único e um dos principais centros de arte contemporânea do Brasil e do mundo. É um espaço que está a serviço da sociedade, que precisa ser conhecido e experimentado”, pontua Grassi.

CARTÃO DE VACINAÇÃO

Ao entrar no Inhotim, todo visitante deve apresentar o cartão de vacinação a fim de comprovar que se imunizou contra a febre amarela há no mínimo dez dias. Em parceria com a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais, a medida foi adotada em 23 de janeiro para conscientizar o público sobre a importância de se vacinar contra a doença. O Inhotim já oferece aos visitantes repelentes, dispostos em locais estratégicos do Museu, como Recepção, Estação Educativa e pontos de alimentação.

.

.

O Instituto ressalta que não foi identificado nenhum caso de febre amarela no Inhotim e que continua tomando todas as medidas preventivas necessárias para combater a doença. A Instituição realizou campanha de vacinação com os funcionários e faz o monitoramento diário de animais.

PROGRAMAÇÃO EDUCATIVA

No mês em que se celebra o Dia Internacional da Mulher e o Dia Mundial da Água, o Inhotim preparou atividades especiais para abordar as duas temáticas. Além disso, haverá visitas mediadas, jogos para crianças e adultos e ativações da Galeria Cosmococa e da Biblioteca Inhotim. Durante as ativações, a equipe do Educativo irá propor um novo uso para os espaços, com diferentes ações abertas ao público. Confira a programação completa abaixo:

.

.

– Estação Educativa para Visitantes

A Estação Educativa para Visitantes é uma plataforma de acolhimento e apoio ao visitante de todas as faixas etárias. Tem como característica ser uma vitrine dos projetos que o Educativo Inhotim realizou e realiza nestes onze anos de Instituto, estreitando os laços entre visitante e Parque. É considerada um ponto de apoio às atividades da Programação Educativa e está presente nas ações propostas durante o ano todo. Possui objetos de mediação como miniexposição de materiais educativos, uma coleção biológica (caixa didática de borboletas) e um jogo da memória que atualmente aborda a fauna e a flora do Inhotim.

Quando: de terça a domingo
Horário: 10h às 16h (de terça a sexta-feira) e 10h às 17h (aos sábados, domingos e feriados)
Onde: Estação Educativa para Visitantes (Centro de Educação e Cultura Burle Marx)

.

.

– Biblioteca Inhotim

A Biblioteca Inhotim tem um acervo especializado em artes visuais, arte contemporânea, botânica e meio ambiente e educação. É um espaço destinado a guarda, promoção e acesso a informação, que visa ao estímulo da pesquisa, do ensino e da aprendizagem de seus usuários. Aberta ao público, a Biblioteca oferece acesso ao acervo para consulta local, disponibiliza espaço para leitura e promove a pesquisa aos seus diversos materiais e na internet através de seus terminais de consulta. O Centro de Referências é um ambiente organizado que dá destaque aos livros sobre assuntos que estão sendo abordados nas temáticas e programações do Museu. Atuando como ferramenta de auxílio e de expansão do conhecimento, a Biblioteca também funciona como espaço para reuniões, diálogos, discussões, mostras e exposições.

Nos dias 8 e 10 de março, o Educativo realizará uma ação na Biblioteca, com enfoque no Dia da Mulher e em debates sobre assédio, liberdade e feminismo. A atividade baseou-se no Manifesto Contesta, elaborado pela bolsista Vanessa Brasil – o documento está em exibição na Biblioteca até o fim de março.

Quando: de terça a sábado
Horário: 9h30 às 16h30 (de terça a sexta-feira) e 9h30 às 17h30 (aos sábados e feriados)
Onde: Biblioteca Inhotim (Centro de Educação e Cultura Burle Marx)

.

,

– Visita Panorâmica

Conversa e reflexão sobre o espaço do Inhotim e seus acervos, explorando as várias possibilidades de percurso.

Quando: de terça a domingo e feriados
Horário: 11h e 14h
Duração: 1h30min
Onde: saída da Recepção
Público: livre
Observação: 25 vagas, inscrição no local a partir das 10h30/13h30

- Jogo: Memorizando a Biodiversidade

No jogo Memorizando a Biodiversidade, a fauna e a flora do Inhotim são os personagens principais. Crianças e adultos são convidados a conversar sobre espécies botânicas que são destaque no paisagismo dos jardins do Inhotim, além de exemplares da Mata Atlântica e Cerrado, pertencentes a RPPN Inhotim. A fauna silvestre e doméstica também será ponto de partida para as discussões.

Quando: de terça a domingo e feriados
Horário: 10h às 16h (de terça a sexta-feira) e 10h às 17h (aos sábados, domingos e feriados)
Local: Estação Educativa para Visitantes (Centro de Educação e Cultura Burle Marx)  

.

.

- Visita Temática: O Feminino – Diversidade e Representatividade na Arte Contemporânea

A história das produções artísticas é marcada até certo ponto por uma homogeneidade no que se refere aos sujeitos que as produziram e às linguagens que foram utilizadas. Por séculos, a arte europeia foi muito influente sobre a civilização ocidental, com as suas pinturas em quadros ou em monumentos, produzidas principalmente por homens. A partir do século XX, os Estados Unidos ascendem como potência mundial, tornando-se também uma grande referência para as produções artísticas, mas com pouca alteração no que se refere a um cenário ainda dominado por artistas homens. Essa bipolarização de influências, que desconsiderou artistas de outros países, suas etnias e gênero, passa por um processo de dissolução, uma vez que o movimento contemporâneo tem uma capacidade muito maior de descentralizar e incluir, além da diversificação das técnicas de produção. A temática “O Feminino – Diversidade e Representatividade na Arte Contemporânea” propõe ao visitante uma reflexão sobre a importância de o acervo permanente do Inhotim ser composto por 50% de artistas latino-americanos e ainda possuir 30% de obras de artistas mulheres.

Quando: 03, 04, 07, 08, 10 e 11 de março (quartas, sábados e domingos – especialmente na quinta-feira dia 08/03 em comemoração ao Dia Internacional da Mulher).
Duração: 1h30mim
Horários: 10h30
Local: saída da Recepção
Público: livre
Observação: 25 vagas, inscrição no local a partir das 10h

.

.

– Ativação: Lazer Criativo na Galeria Cosmococa (2010)

Com o conceito de crelazer, Hélio Oiticica sugere o direito ao lazer criativo, uma experiência efetiva de liberdade e reinvenção do corpo, que é socialmente programado e comumente sedentário, nos oferecendo a possibilidade de questionar a normatividade corporal e sensorial, além de experimentar o nomadismo e a espontaneidade.

A partir de uma aproximação com o que propõe Oiticica, o Educativo Inhotim convida todos os visitantes a participarem de ativações desta galeria, para as quais a perspectiva de lazer criativo se estende também para o lazer enquanto prática educativa. Um cortejo com vestimentas e caixas sonoras se apropriará momentaneamente dos espaços, através de cores, sons e movimento, e um Cosmokit quasi-cinema proporcionará uma experiência cinemática que faz dos corpos instrumentos participativos e performáticos.

Quando: 13 a 29 de março (terças e quintas)
Horários: 14h às 16h
Local: galeria Cosmococa (G15 no mapa)
Público: livre

SEMANA DA ÁGUA

A Organização das Nações Unidas (ONU) estabeleceu o dia 22 de março como o Dia Mundial da Água. Assim, instituições de todo o planeta promovem discussões sobre os diversos temas relacionados a esse importante bem natural. No mês de março, o Inhotim preparou uma programação educativa especial!

.

.

– Visita Temática: Água – Conexões e Transversalidades

O Fórum Mundial da Água acontece pela primeira vez no hemisfério sul. O Brasil recebe, entre os dias 18 e 23 de março, em Brasília, a 8ª edição do Fórum, cujo tema será “Compartilhando Água”. Este é o maior evento global sobre o tema água e é organizado pelo Conselho Mundial da Água. Diante da importância da discussão desse tema, a Visita Temática dos meses de março e abril convida os visitantes do Inhotim a refletirem sobre a temática água, suas conexões e transversalidades a partir dos acervos do Instituto.

Quando: 14 de março a 29 de abril (quartas, sábados, domingos e feriados)
Duração: 1h30mim
Horário: 10h30
Local: saída da Recepção
Público: livre
Observação: 25 vagas, inscrição no local a partir das 10h
– Jogo de Tabuleiro: Água em Foco

O jogo de tabuleiro Água em Foco convida os participantes a trabalharem de forma coletiva, dialogando e interagindo com o tema água, seus desafios e complexidades, por meio de perguntas e curiosidades.

Quando: 21 a 25 de março (quarta a domingo)
Horários: 14h às 15h30 (quarta a sexta) e 14h às 17h (sábado e domingo)
Local: próximo à Árvore Tamboril (B1 no mapa)
Público: a partir de 6 anos (para menores de idade, é necessário acompanhamento de um responsável)

.

.

– Estação Água

No mês de março, a Estação Educativa para Visitantes abrigará os vídeos “O Ciclo da Água” e “A Lei das Águas no Brasil”, produzidos pela Agência Nacional da Água (ANA), com o intuito de proporcionar diálogos transversais sobre as temáticas: conservação, proteção, uso racional do recurso, ecossistemas, economia, cidades e gestão da água em variados setores da sociedade.

Quando: 13 a 31 de março (terça a domingo e feriados)
Horário: 10h às 16h (de terça a sexta-feira) e 10h às 17h (aos sábados, domingos e feriados)
Onde: Estação Educativa para Visitantes (Centro de Educação e Cultura Burle Marx)
Público: livre

.

.

INSTITUTO INHOTIM

Aberto ao público em 2006, o Inhotim já recebeu mais de 2,9 milhões de visitantes. O Instituto convida seus visitantes a se relacionarem com o mundo de forma mais crítica, consciente e transformadora. Atualmente, o acervo de arte contemporânea possui cerca de 1.300 obras. Destas, 700 estão expostas nas 23 galerias e nos jardins do Instituto. O Jardim Botânico é composto por cerca de 5 mil espécies nativas e raras de todos os continentes.

.

.

.

Anúncios