Agenda Cultural 25-05-2018

Nossa Agenda Cultural tem arte, cinema, música, corrida da Mulher Maravilha pelas ruas do Centro Velho de São Paulo e eventos em Osasco, cinema em Diadema e muita cultura para todos! Vem curtir o fim de semana com a gente!

.

São Paulo/SP 

Corrida Mulher Maravilha

.

.

Uma festa para celebrar a força, a coragem e a beleza da mulher, a Corrida Mulher-Maravilha trás percursos de Corrida e Caminhada de 4Km e Corrida de 8Km, além de muitas atrações e diversão. Venha fazer parte desse exército!

CORRIDA MULHER-MARAVILHA – SP 2018
Distância: 4km e 8km
Data: 27/05/2018
Horário de largada: 7h00
Local da corrida: R. Líbero Badaró, 550 – Centro, São Paulo – SP

Inscrições: http://www.yescom.com.br/corridamulhermaravilha/2018/sp/

.

Viver de Bike celebra formatura de alunos do curso com festival de atividades gratuitas para crianças, mulheres e idosos.

Durante o domingo, 27/05, haverá oficina de manutenção, passeios em triciclo para idosos, empréstimo de bicicletas infantis e bazar de bicicletas  
 

O Instituto Aromeiazero convida todos a participarem do Festival Viver de Bike, um domingo dedicado à cultura da bicicleta como transformadora socioeconômica. Ele marca o encerramento da 7ª turma do curso Viver de Bike, no qual um grupo de 14 de estudantes, sendo 50% de mulheres, foi instruído por profissionais especialistas em empreendedorismo da bicicleta sobre algumas das possibilidades e caminhos para tornar-se profissional do setor, empoderar-se e vencer barreiras pessoais. O Curso Viver de Bike é patrocinado pelo Banco Itaú e conta com apoio da Escola Park Tool e Kalf.
.
.

Durante todo o domingo, os formandos e veteranos do curso bem como voluntários do Aromeiazero promoverão uma linda festa. A equipe do Rodinha Zero ensinará crianças a partir de 2 anos a tomar o primeiro contato com bicicletas de modelos específicos para cada faixa etária, de modo a estimular o equilíbrio, a confiança e a coordenação motora. Bicicletas e auxílio para adultos também estarão disponíveis.

O Bazar da Bike vai disponibilizar mais de 20 bicicletas de diferentes modelos e tamanhos para serem vendidas por preços acessíveis. São unidades recebidas como doação e que passam por reciclagem e revisão completa dos técnicos do Aromeiazero para que possam estar em condições imediatas de uso. O dinheiro arrecadado é revertido para as ações do Aromeiazero.

Já os idosos ou quem têm dificuldade de locomoção podem sentir o ventinho no rosto a bordo do triciclo dinamarquês do Pedalando sem Idade. Haverá passeios partindo do Centro da Comunidade Arena Radical até o Parque do Povo.

.

.

Os visitantes que forem ao evento de bicicleta ou estiverem passando pela ciclovia que liga a Av. Luiz Carlos Berrini à Rua Funchal poderão contar com a Oficina Comunitária, na qual  técnicos formados pelo Viver de Bike promovem manutenção básica nas magrelas, tais como regulagem de freios e câmbio.

Outra atividade que atrai a atenção dos ciclistas é o Stencil na Bike, no qual artistas convidados irão aplicar nas bicicletas cores e desenhos personalizados.

Serviço
O quê? Festival Viver de Bike
Quando? 27 de maio de 2018 – Domingo – 10 às 19 horas
Onde? CD Arena Radical – Pça Augusto R. Grunewald, 37 – V. Olímpia – S.Paulo – SP
(11) 3842-959 (mapa) – A 200 metros da Estação CPTM

.

.

SOBRE O INSTITUTO AROMEIAZERO
O Instituto Aromeiazero – www.aromeiazero.org.br –  é uma organização sem fins lucrativos que promove a bicicleta como instrumento de transformação social, cultural e pessoal, estimulando a diversidade e a colaboração. A missão é promover uma visão integral da bicicleta, não só como transporte, mas também como expressão artística, oportunidade de renda, lazer, esporte e também como ferramenta de mudança no modo de vida, visando a humanização das relações nos centros urbanos.

Quer ajudar? Seja um voluntário do Aromeiazero. Informações em  bit.ly/voluntFestVB7

Outras informações
Rogério Viduedo – Imprensa@aromeiazero.org.br – (11) 99787 4609 – 3768 1470
www.aromeiazero.org.br

.

 

 

Exposição “Ex Africa”, realizada no CCBB São Paulo, encerra festividades durante o African Week

Mostra trará um grande e essencial panorama da arte contemporânea do continente e da identidade da África moderna.

.

.

Começou na segunda-feira, 21 e segue até a próxima sexta-feira, 25, em São Paulo, o maior evento Afro de todos os tempos já realizado no país, o African Week. Durante cinco dias, serão promovidas atividades culturais, palestras de economia e relações internacionais, premiação aos destaques da cultura Afro descentes no Brasil e o African Day.

.

.

Para fechar a primeira semana de imersão da cultura africana no Brasil, acontece na sexta-feira, 25, às 19h, no CCBB (Centro Cultural Banco do Brasil) de São Paulo, a exposição “Ex Africa”, que irá celebrar as festividades do African Week. A mostra trará um grande e essencial panorama da arte contemporânea do continente e da identidade da África moderna.

Marcada por uma diversidade de encontros culturais e interações, por processos de intercâmbio e aculturações, a exibição que já foi apresentada em Belo Horizonte e no Rio de Janeiro, apresentará mais de 90 obras, da recente produção de 18 artistas, vindos de oitos países africanos. A eles se juntam também dois artistas afro-brasileiros, Arian Martins e Dalton Paula que exibem suas obras produzidas durante uma pesquisa realizada em um bairro brasileiro na capital da Nigéria, Abuja.

.

.

Com curadoria do alemão Alfons Hug, que dirigiu o Instituto Goethe em Lagos, na Nigéria, a exposição é dividida em quatro eixos temáticos – Ecos da História, Corpos e Retratos, O Drama Urbano e Exposições Musicais.

Ibrahim Mahama, um dos destaques da “Ex Africa”, apresenta a instalação “Nos-Orientable Nkansa II”, composta por centenas de caixas de engraxar sapatos, obtidas pelo artista nas ruas de Acra, capital da Gana. Além disso, o senegalês Omar Victor Diop, que tem notoriedade devido aos seus retratos fotográficos posados, o sul-africano Mohau Modisakeng, que traz através de uma videoinstalação as memórias deixadas pelo apartheid. Ambos artistas se juntam com o nigeriano Jelili Atiku, outro destaque da mostra e um dos principais nomes da Bienal de Veneza de 2017.

A mostra que segue em cartaz até o dia 16/07, tem entrada franca, mediante a retirada de ingresso com uma hora de antecedência.

.

.

Sobre o Centro Cultural Africano: 

O Centro Cultural Africano é uma organização sem fins lucrativos, que foi fundado em 1999, pelo nigeriano Otumba (rei) Adekunle Aderonronu, com a missão de fortalecer o intercâmbio entre o Brasil e a África, valorizar a solidariedade, a ética, a esperança, o talento, o respeito, além de manter vivas as tradições culturais africanos e afros descendentes, contribuindo assim o desenvolvimento do patrimônio oral, material e imaterial da humanidade, segundo a UNESCO.

.

.

25/05 – African Day – Centro Cultural Banco do Brasil
Exposição Ex Africa

Horário: 19:00hs às 22:00hs
Local: CCBB – SP 
Endereço: Rua Alvares Penteado. 112 – Centro – São Paulo/SP

Entrada Franca

www.africanweek.com.br 

 

INSTITUTO STOP HUNGER BRASIL REALIZA A 5ª EDIÇÃO DO FEED TRUCK

Ação faz parte da Servathon 2018 e tem o objetivo de combater a fome por meio da redução do desperdício de alimentos

 São Paulo, maio de 2018 O Instituto STOP Hunger Brasil, organização sem fins lucrativos criada e mantida pela Sodexo com o objetivo de combater a fome e a má nutrição, realiza no dia 26 de maio a 5ª Edição do Feed Truck. Neste ano, a iniciativa faz parte da agenda da maratona Servathon 2018 e distribuirá alimentos às pessoas atendidas pela ONG Centro de Acolhimento de Santo Amaro, na zona sul de São Paulo.

Na sexta-feira, 25, será realizada a coleta urbana de alimentos reaproveitáveis em restaurantes administrados pela Sodexo On-site, seguida do pré-preparo na ONG Centro de Acolhimento em Santo Amaro. Já no sábado, 26, das 10h às 14h, será feita a finalização do preparo e entrega das refeições, por meio do Feed Truck, para aproximadamente 250 pessoas em situação de vulnerabilidade atendidas pela organização e outros moradores carentes do entorno da ONG. O cardápio será definido por chefs voluntários da Sodexo, que prepararão uma receita sustentável, aproveitando integralmente os alimentos coletados.

.

.

O Feed Truck é reconhecido como uma das 12 práticas sustentáveis mais promissoras do mundo no campo da alimentação e tem como objetivo utilizar um food truck para recolher alimentos que seriam desperdiçados em restaurantes, mercados ou feiras e “transformá-los” em comida saudável e de qualidade.  A ação, que nasceu em abril de 2015, em uma parceria entre a agência Africa, Ong Make Them Smile e a Truckvan, é hoje uma das diversas atividades desenvolvidas pelo Instituto STOP Hunger Brasil e, nesta edição, conta com os parceiros:, Sodexo On-site, Sodexo Benefícios e Incentivos e Fulpel.

 “Iniciativas como o Feed Truck reforçam a missão do Instituto e mostram na prática como a redução do desperdício de alimentos contribui para combater a fome e a má nutrição. Contamos com a participação de todos nesta ação para engajar cada vez mais voluntários em torno do nosso propósito”, afirma Fernando Cosenza, presidentedo Instituto STOP Hunger.

Já Andreia Dutra, vice-presidente do Instituto STOP Hunger, acredita que este tipo de ação precisa ser multiplicada para outros lugares . “Precisamos fomentar a realização do projeto Feed Truck, com o objetivo de mudar a realidade de milhares de pessoas que passam fome no Brasil, uma vez que há muito desperdício de alimento em todo o país”, finaliza.

Vale lembrar que os alimentos, após serem coletados, triados, higienizados e preparados, são servidos gratuitamente à população.. Neste ano, os organizadores esperamser capazes de recolher aproximadamente 125 quilos de alimentos ótimos para consumo que seriam descartados desnecessariamente e produzir aproximadamente 250 porções individuais de comida aproveitando integralmente os ingredientes.

Mais informações podem ser encontradas em http://br.stop-hunger.org

 

Resultados Servathon 2017:

  • 133,3 T (cerca de 1.186 refeições prontas) em alimentos não perecíveis;
  • 10.809 voluntários em 35.578 horas de voluntariado;
  • R$ 66.518,00 em recursos captados por meio de doações financeiras;
  • 310 empresas parceiras;
  • 135 ONGs beneficiadas e mais de 20 mil pessoas atendidas.

Sobre o Instituto STOP Hunger

A Sodexo trabalha diariamente para melhorar a qualidade de vida das pessoas e contribuir com o desenvolvimento das comunidades onde atua. Além disso, acredita que, para que exista qualidade de vida, é importante que as necessidades básicas dos indivíduos sejam atendidas.

Com base nessas premissas, em 1996, funcionários da Sodexo dos Estados Unidos criaram o STOP Hunger para oferecer a algumas crianças da região de Boston uma alimentação saudável. Hoje, o STOP Hunger é uma força de liderança global na luta contra a fome e a má nutrição e está celebrando 20 anos de compromisso.

No Brasil desde 2003, diversas iniciativas STOP Hunger têm sido realizadas de maneira consistente e com importantes contribuições. Com o objetivo de expandir sua atuação, em dezembro de 2015 foi constituído o Instituto STOP Hunger no país. Uma organização independente sem fins lucrativos que envolve os stakeholders da Sodexo (colaboradores, clientes, usuários, estabelecimentos credenciados e fornecedores) e membros da sociedade em geral para a realização de ações e campanhas sociais. Juntos, todos esses públicos geram forte impacto para ajudar a minimizar o cenário da fome no Brasil e no mundo.

 

.

Theatro Municipal de São Paulo

PROGRAMAÇÃO Theatro Municipal de São Paulo DE 25 DE MAIO A 7 DE JUNHO DE 2018.

Programa:
La Traviata, de Giuseppe Verdi
Jorge Takla – Concepção e Direção Cênica
Roberto Minczuk – Direção Musical e Regência OSM
Mário Zaccaro – Regência Coro Lírico
Orquestra Sinfônica Municipal
Coro Lírico Municipal de São Paulo
Cenografia – Nicolás Boni
Desenho de luz – Fabio Retti
Figurino – Cássio Brasil
Solistas
Alfredo – Fernando Portari/Georgy Vasiliev
Violetta – Nadine Koutcher/Jaquelina Livieri
Giorgio Germont – Paulo Szot/Leonardo Neiva
Gastone – Miguel Geraldi (Coro Lírico)
Barão Douphol e cover de Giorgio Germont – Daniel Lee (Coro lírico)
Marques d’Obigny – Leonardo Pace (Coro Lírico)
Dr. Grenvil – Rogerio Nunes (Coro Lírico)
Flora Bervoix – Juliana Taino
Annina – Thayana Roverso

Sinopse: Com concepção e direção cênica de Jorge Takla, La Traviata conta a história da cortesã Violetta Valéry e do nobre Alfredo Germont que se apaixonam em uma festa, mas se veem aprisionados aos preconceitos e às tradições de uma sociedade conservadora e são obrigados a tomar decisões que alteram suas vidas de forma irreparável. No papel de Violetta, estão as sopranos Nadine Koutcher e Jaquelina Livieri e como Alfredo, os tenores Fernando Portari e Georgy Vasiliev. Roberto Minczuk está à frente da Orquestra Sinfônica Municipal de São Paulo e é responsável pela direção musical. O Coro Lírico Municipal de São Paulo fica sob o comando de Mário Zaccaro e a Cia. Cisne Negro de Balé faz uma participação especial.
Data: Sexta-feira, 25/5, 20h.
Local: Theatro Municipal de São Paulo – Sala de Espetáculos
Duração: aproximadamente 2h30 com 1 intervalo de 20 minutos
Classificação indicativa: 10 anos
Ingressos: Setor 1 R$ 150 (inteira) / Setor 2 R$ 110 (inteira) / Setor 3 R$ 40 (inteira)

Programa:
Homenagem aos 110 anos de imigração japonesa no Brasil
Coral Paulistano
Naomi Munakata / Maíra Ferreira, regência
Rosana Civile – piano
Shen Ribeiro – instrumento: shakuhachi
Tamie Kitahara – instrumento: koto
Grupo de taiko – Wadaiko Sho
Setsuo Kinoshita
Mitsue Iwamoto
Layla Ueda
Daniel Pardal
Fernando Su
Saori Kurata
Setsuo Kinoshita: Taiko de Samba (Prólogo na escadaria)
Anônimo: 本曲 (Música original para Shakuhachi) – Shen Ribeiro
Canção infantil japonesa / Arr. Rō Ogura: ほたるこい (Vagalume) – coro feminino
Yoshinao Nakata: 蝶 (Suíte Borboleta) – coro feminino
I. 誕 生 (Nascimento)
II. 飛 翔 (Vôo)
III. 灰 色 の 雨 (Chuva cinzenta)
IV. 越 冬 (Inverno)
V. よみがえる光 (Luz da ressurreição)
Michio Miyagi: 春の海 (Mar da primavera) – Shen Ribeiro e Tamie Kitahara
Tradicional japonês / Arr. Tōru Takemitsu: さくら(Flor de cerejeira)
Tradicional japonês / Arr. Tōru Takemitsu: 小さな空 (Pequeno céu)
Kosaku Yamada: 赤とんぼ (Libélula Vermelha)
Rentarō Taki: 荒城の月 (Luar sobre o castelo em ruínas)
Setsuo Kinoshita: Tanjyo (Nascer)
Tradicional japonês: ソーラン節 (Canção dos pescadores)
Sinopse: O Theatro Municipal de São Paulo homenageia os 110 anos da imigração japonesa com uma apresentação do Coral Paulistano, juntamente com artistas da cultura oriental, para celebrar a arte, os instrumentos musicais e as composições oriundas dessa potência asiática. O evento é realizado em parceria com a Aliança Cultural Brasil-Japão.

Data: Domingo, 27/5, 12h
Local: Theatro Municipal de São Paulo – Sala de Espetáculos
Duração: aproximadamente 90 minutos
Classificação indicativa: livre
Ingressos: R$ 20 (inteira)

Programa:
Happy Hour no Theatro Municipal
Quarteto de Cordas da OER
Quarteto de Cordas N.12 “Americano” | Antonin Dvorák
Maria Júlia Segura de Azevedo – violino
Gustavo Prates – violino
Rodrigo Leandro Prado – violoncelo
Samuel Dionísio – viola
Sinopse: Maria Júlia Segura de Azevedo e Gustavo Prates nos violinos, Rodrigo Leandro Prado no violoncelo e Samuel Dionísio na viola, músicos da OER, executam Quarteto de Cordas N.12 “Americano”, de Antonin Dvorák.
Local: Theatro Municipal de São Paulo – Saguão
Data: Segunda-feira, 28/5, 18h.
Duração: aproximadamente 30 min.
Classificação indicativa: livre
Ingressos: Grátis. Não é necessária a retirada de ingressos. Recomendamos chegar com 30 minutos de antecedência.

Programa:
Quartas Musicais
Recital de Piano
Andante Espressivo: Vier Flüchtige Stücke, Op. 15 | Clara Schumann
Scherzo: Vier Flüchtige Stücke, Op. 15 | Clara Schumann
Vier Skizzen, Op. 5: Scherzo Polka | Bedrich Smetana
Vier Skizzen; Op. 5: Schwermut | Bedrich Smetana
Scheilla Glaser – piano
Sinopse: No Recital de Piano de Scheilla Regina Glaser, professora da Escola Municipal de Música de São Paulo há quase 20 anos estão Andante Espressivo: Vier Flüchtige Stücke, Op. 15 e Scherzo: Vier Flüchtige Stücke, Op. 15, de Clara Schumann e Vier Skizzen, Op. 5: Scherzo Polka e Vier Skizzen; Op. 5: Schwermut, de Bedrich Smetana.
Local: Theatro Municipal de São Paulo – Salão Nobre
Data: Quarta-feira, 30/5, 18h.
Duração: aproximadamente 50 min.
Classificação indicativa: livre
Ingressos: Grátis. Não é necessária a retirada de ingressos. Recomendamos chegar com 30 minutos de antecedência.

Programa:
Corpus Christi no Mosteiro de São Bento
Naomi Munakata, regente titular
Maíra Ferreira, regente assistente
Delphim Rezende Porto, organista
Maurice Duruflé
Quatre motets sur des themes grégoriens, Op. 10
I. Ubi caritas
II. Tota pulchra es
III. Tu es Petrus
IV. Tantum ergo
Johann Sebastian Bach
Komm, Jesu, komm BWV 229
Frank Martin
Missa para dois coros
I. Kyrie
II. Glória
III. Credo
IV. Sanctus
V. Agnus Dei
Sinopse: No feriado de Corpus Christi, 31 de maio, o Coral Paulistano se apresenta gratuitamente, às 15h, no Mosteiro de São Bento, sob a regência da maestrina titular Naomi Munakata e da assistente Maíra Ferreira. A apresentação terá a participação do organista, regente e compositor Delphim Rezende Porto. O programa traz músicas sacras de Maurice Duruflé, Johann Sebastian Bach e Frank Martin.
Local: Mosteiro de São Bento
Data: Quinta-feira, 31/5, 15h.
Duração: aproximadamente 60 min.
Classificação indicativa: livre
Ingressos: Grátis.

Programa:
Happy Hour no Theatro Municipal
Trio de Cordas e Flauta Transversal
Orquestra Experimental de Repertório
Quarteto nº1 em ré maior, K.285 | W.A.Mozart
I Allegro
II Adagio
III Rondo
Larissa Assunção – flauta
Matheus Fernandes – violino
Eder Assunção – viola
Richard Gonçalves – violoncelo
Sinopse: O trio de cordas composto por violoncelo, viola e violino se junta ao timbre da flauta transversal para executar o primeiro quarteto de Mozart. O grupo é composto por integrantes da Orquestra Experimental de Repertório. Esta peça possui três movimentos curtos, os dois últimos se juntam sem pausa. O primeiro movimento é uma sonata clara e viva com uma riqueza de temas, um desenvolvimento conciso e uma recapitulação maravilhosamente elaborada.
Local: Theatro Municipal de São Paulo – Saguão
Data: Segunda-feira, 4/6, 18h.
Duração: aproximadamente 30 min.
Classificação indicativa: livre
Ingressos: Grátis. Não é necessária a retirada de ingressos. Recomendamos chegar com 30 minutos de antecedência.

Programa:
Quartas Musicais
Samuel Pompeo Quinteto
Água na Chaleira |Dino Barioni
Cave du 38 Riv |Samuel Pompeo
Janeiro 15 |Samuel Pompeo
Rio Acima |Samuel Pompeo
Samuel Pompeo – Saxofone
Dino Barioni – guitarra
João Bueno – Piano
Gibson Freitas – Contrabaixo
Paulinho Vicente – Bateria
Sinopse: Samuel Pompeo, Dino Barioni, João Bueno, Gibson Freitas e Paulinho Vicente se apresentam no Salão Nobre com as músicas Água na Chaleira, Cave du 38 Riv, Janeiro 15 e Rio Acima, neste programa gratuito do Theatro Municipal de São Paulo.

Local: Theatro Municipal de São Paulo – Salão Nobre
Data: Quarta-feira, 6/6, 18h.
Duração: aproximadamente 50 min.
Classificação indicativa: livre
Ingressos: Grátis. Não é necessária a retirada de ingressos. Recomendamos chegar com 30 minutos de antecedência.

Theatro Municipal de São Paulo

Praça Ramos de Azevedo, s/nº – São Paulo, SP

Praça das Artes

Av. São João, 281 – Centro
Ingressos na bilheteria do Theatro Municipal de São Paulo ou pelo site www.theatromunicipal.org.br

Horário da Bilheteria: De segunda a sexta-feira, das 10h às 19h e sábados e domingos, das 10h às 17h

Nos espetáculos à noite, a bilheteria permanece aberta até o início do evento; em dias de espetáculos pela manhã, o espaço abre ao público duas horas antes do início da apresentação. Apenas venda e retirada de ingressos para os eventos do Theatro Municipal de São Paulo.

.

Osasco – Grande São Paulo

Estão abertas até o dia 25 de maio as inscrições para a 9ª Volta da União

Há limite de vagas para o evento que será realizado no dia 10 de junho.

No dia 10 de junho, o Shopping União de Osasco promoverá a tradicional Volta da União. Em sua 9ª edição, o evento reunirá corredores nacionais e internacionais, profissionais e amadores, além de moradores locais e visitantes do shopping, que farão um percurso de 9KM de corrida e 4 KM de caminhada em busca do prêmio.

As inscrições devem ser feitas pelo site http://yescom.com.br/voltadauniao/2018, com taxa promocional de R$ 70 para quem se cadastrar até o dia 18 de maio, às 16h. Após essa data, até o dia 25 de maio, quando se encerram, o valor será de R$ 85 – pessoas acima de 60 anos tem 50% de desconto no valor.

.

.

Todos os participantes receberão um kit que deverá ser retirado no Shopping União de Osasco no dia 9/6, das 10h às 21h, especificamente na loja Centauro, no piso Voegeli. No dia 10/6, às 7h, os corredores se concentrarão na arena localizada no estacionamento do shopping para um aquecimento regado de muita música e animação.

A largada será dada às 8h no shopping e o percurso será nas proximidades do centro de compras; a chegada será no mesmo local. A premiação se dará da seguinte maneira: os cinco primeiros colocados tanto para o masculino quanto para o feminino que percorrerem os 9 km, e os primeiros (feminino e masculino) que completarem a marca de 4 KM, receberão, além do troféu, um total de R$ 12 mil em dinheiro. Ao final do evento os demais participantes receberão uma medalha e poderão participar do sorteio de diversos prêmios. As fotos da 9ª Volta da União poderão ser baixadas gratuitamente pelo site www.shoppinguniao.com.br.

Sobre o Shopping União de Osasco

O centro de compras mais completo da Região Oeste de São Paulo recebe 1,5 milhão de pessoas ao mês. São 294 lojas conceituais, com layouts modernos e diferenciados. Possui as principais lojas âncoras do mercado nacional, além de dois Hipermercados, praça de alimentação, restaurantes, laboratório de análises clínicas e uma unidade do Poupatempo.

Com estacionamento gratuito nas primeiras duas horas, dispõe de variadas opções de lazer, moderna pista de boliche (Cia do Boliche), 10 salas de cinema (Cinemark com salas Stadium / 3D / XD – Xtreme Digital) e uma mega unidade da Playland. Para mais informações, acesse: www.shoppinguniao.com.br.

Shopping União de Osasco

Avenida dos Autonomistas, 1400 // Avenida Hilário Pereira de Souza, 700

Avenida Franz Voegeli, 707 // Vila Yara – Osasco – Fone: 3184-4000

Horário: segunda a sábado, das 10h às 22h. Domingos e feriados das 11h às 20h

www.shoppinguniao.com.br – facebook/uniaodeosasco – insta:shoppinguniaooficial

 

Diadema – Grande São Paulo

Sesc São Caetano exibe no Cine Eldorado “Cinema Novo” documentário sobre movimento cinematográfico do Brasil na Década de 60

Dia  26 de Maio a partir às 16h o Sesc São Caetano exibe “Cinema Novo”, filme que faz  parte do acervo Sesc , será exibido no Cine Eldorado – Rua Frei Ambrosio de Oliveria Luz, 55 – Bairro Eldorado – Diadema – SP.  Aberto a maiores de 12 anos e com entrada gratuita.

.

.

Um ensaio poético, um olhar aprofundado e um retrato íntimo sobre o Cinema Novo, movimento cinematográfico brasileiro que colocou o Brasil no mapa do cinema mundial, lançou grandes diretores e criou uma estética única, essencial e visceral que mudou a história do cinema e a história do Brasil para sempre .

Estreou nacionalmente no Festival de Brasília do Cinema Brasileiro  e premiado em Cannes, com o Olho de Ouro, na categoria melhor documentário, a produção, ecoa com uma memória que está visceralmente ligada ao Brasil de hoje. É um documentário político, sobre pessoas, sobre o Brasil.

Iniciado na década de 1960, pré-regime militar, focado em produções de baixo custo e mais ligadas à realidade, com um olhar para o subdesenvolvimento do País. Foi um movimento que sofreu com a repressão e a censura da ditadura.

O documentário desconstrói o didatismo, ele é um garimpo entre cenas de filmes do Cinema Novo, algumas raras, e entrevistas.  Cinema Novo foi lançado nos cinemas brasileiros em 2016, com direção de Eryk Rocha, filho do diretor Glauber Rocha, um dos principais ícones do movimento, o diretor percebeu que não existia uma produção que explorasse a grandeza do movimento do cinema e decidiu elaborar um ensaio-documentário sobre o período. “Decidi ir atrás da História, para saber de onde vim”, disse Eryk

Trailer:

SERVIÇO:

Cine Eldorado
Dias: 26 de Maio, às 16h
Rua Frei Ambrosio de Oliveria Luz, 55 – Bairro Eldorado – Diadema – SP
Recomendação etária: Livre
Ingressos: Grátis.
Capacidade: 132 pessoas
Telefone para informações: (11) 4056 – 1649
Para informações sobre outras programações acesse o portal sescsp.org.br

Horário de atendimento/bilheteria do Sesc São Caetano – De segunda a sexta, 9:00 às 21:30, sábados e feriados, das 9:00 às 17:30h.

 

.

.

.

Anúncios